terça-feira, 11 de outubro de 2011

Filarmônica Vera Cruz faz concerto para crianças

Pedro e o Lobo, de Prokofiev, será a atração do Dia das Crianças

A Filarmônica Vera Cruz apresentará uma série de concertos em outubro e um deles é para comemorar o Dia das Crianças, nesta quarta-feira (12/10). O espetáculo terá no repertório a obra “Sonhe à noite e de Dia”, de autoria do maestro e regente da orquestra, Júlio Medaglia, além de obras de Vivaldi e o clássico “Pedro e o Lobo”, de Prokofiev. O evento acontecerá a partir das 11h, no Parque Chácara Silvestre.
Em  26 de outubro, a orquestra volta a se apresentar no Teatro Lauro Gomes, dessa vez, com a presença de jovens solistas e tendo na programação peças de Chopin, Mozart e Vivaldi, entre outras.
Temporada - A Filarmônica Vera Cruz retomou sua temporada neste semestre com apresentações semanais em São Bernardo, sempre com entrada franca. A orquestra realizará mais de 40 eventos este ano entre concertos, espetáculos ao ar livre e concertos didáticos.
“O nosso objetivo é firmar a Filarmônica Vera Cruz como uma das principais orquestras brasileiras, formar uma nova plateia, permitindo o acesso dos jovens, e transformar a orquestra num símbolo da cidade de São Bernardo”, explicou o maestro Júlio Medaglia.


 
Encontro com a Juventude - As séries "Encontro com a Juventude" têm objetivo de divulgar a música erudita entre os jovens e crianças da Região. Trata-se de um ensaio aberto à população com uma apresentação inicial do maestro Júlio Medaglia. Todos que desejam conhecer ou que apreciam a música erudita podem assistir aos encontros. É uma grande oportunidade de ter contato e aprender sobre a rotina de uma orquestra, num clima bem descontraído.
De acordo com o maestro Julio Medaglia – também coordenador geral do Centro Livre de Música –, tão importante quanto divulgar a música erudita é apresentá-la de forma correta ao público. “Queremos formar uma audiência de qualidade, que as pessoas possam entender como funcionam aquelas máquinas maravilhosas de música. É muito comum que os jovens só ouçam o que lhes é apresentado pela mídia, a música comercial, que infelizmente tem qualidade duvidosa”, avaliou.
Eu como músico, digo que música é a arte mais bela feito pelo homem, é a arte de combinar harmonia, melodia e rítmo, portanto o duvidoso de alguém, poderá ser a manifestação de um sentimento de outra pessoa que as vezes não se liga com conceitos que alguns tem.
 

Eu
É incrível como nós, músicos temos opiniões diferenciadas, e dou umas amostras.
Julio Bellodi , musico , regente, professor, compositor gosta de compor choros, mas em sua formação é apaixonado por Bethovem
Ricardo(finado professor de rítmica da Fundação das Artes de São Caetano do sul) Maestro, Regente, Compositor gostava de WA Mozart
Antonio ex-Maestro da Big Band de Jaz da Fundação das Artes de São Caetano do Sul, ex Maestro da Orquestra Sinfonica de São Caetano do Sul, Compositor, Maestro e Regente e professor era fã de Bethoven e JS Bach mas suas composições eram Mozartianas
Itacir Bocato Junior, Compositor, Musico, Regente tem em seu sangue Pixinguinha, diz ele, que seu som é sincopado como sapato branco de Pixinguinha
Jota Moraes, meu tio, Compositor, Regente, Maestro multi-instrumentista, em seu ultimo CD junto com Mauro Senise fez  arranjos de Carlos Gomes, Chiquinha Gonzaga, Ernani Aguiar, Radamés Gnattali , Heitor Villa Lobos , Padre José Maurício Nunes da Silva entre outros grandes compositores que meu tio se espelhou , mas suas composições são Jazzisticas, com um toque fervoroso do Frevo, Maracatu, Baião, um pouco de samba entrelaçando entre elas...em fim eu digo ou quis dizer que, cada um tem seu gosto, e ainda bem que ninguém é igual no paladar musical, seja em ouvir ou fazer a música..
Com todos esses eu já estive junto, senti o calor e por isso deu para perceber o gosto musical, no entanto, os estilos e gêneros musicais duvidosos que talvez o Maestro Julio Medaglia menciona, devem ser aqueles que são puros ruídos, pois não dá para colocar no papel, a música, entretanto, dá para colocar no papel e dá para criar mais e mais.

 
Não deixem de comparecer:
 
11 de outubro às  14h30 no,  Teatro Lauro Gomes;
18 de outubro às 14h30  no, Teatro Elis Regina (avenida João Firmino, 900, Bairro Assunção);
25 de outubro às 14h30,  Teatro Lauro Gomes.
Informações: 4368-1246 e 4368-3483.


Por: Marina Bastos  (marina@abcdmaior.com.br)   www.abcdmaior.com.br   































                                                                  




 

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Dedique-se Ame sua profissão


Este blog sempre será útil para quem quer saber das noticias culturais, em especial a música na qual eu mais me concentro, mas dou atenção atenção a todas as artes e culturas diversas

DEDIQUE-SE AQUILO QUE VOCÊ MAIS GOSTA



Um professor da Educafro me perguntou em um dia, na qual estava para escolher um curso que seria da minha faculdade: Do que você gosta ou ama fazer? Para uma simples escolha de matéria, muitos gaguejaram no momento.Eu no entanto disse a experiência que já tive e o que tenho concretizado e não são nada animadoras.
Minha infância foi regrada praticamente pela música, o que hoje dizem ser um hobbie, um entretenimento. Meus pais as viam assim, e, querendo meu bem, penso eu que devem ter pedido para que eu escolhesse uma profissão(como se a Musica não fosse uma). Mostrei, antes de ingressar em uma “profissão” fui capaz de ganhar 2 prêmios como solista, tocar em bandas e dentre elas a Banda Raiz do Som, a Big Band de Jazz da Fundação das Artes de São Caetano do Sul, Banda Sinfônica Municipal de Ribeirão Pires.
Pois bem, fui enganado pelo provável futuro lindo que eu teria se fosse outro, a não ser eu mesmo e meu eu era ser músico. Portanto senhores pais , não tirem o que há de mais sagrado ao escolher uma rota  para seu filho, fazendo o que mais gosta. Se você não teve oportunidades, dê essa oportunidade a ele(a)
Musico frustrado ? Talvez eu  seja em seu ponto de vista, mas como nada vem por acaso, a eletrônica, na qual eu me formei e não me serviu de nada, me deu espaço para estar conhecendo o andamento da Internet e tudo e todos os programas, conseguindo enxergar se é viável ter tais programas.
É com esses recursos que eu me utilizo dos blogs, errando e aprendendo... a vida sempre foi desta forma, vivendo ou morrendo e aprendendo.
Não pretendo ser um superstar, mas tudo virá na sua hora certa.
Algumas de minhas indagações sobre a cultura, já foram discutidas, pedi uma audiência com o Vice Prefeito e Secretário da Cultura de São Bernardo do Campo , Sr Frank Aguiar, para que me receba, mas ainda não fui chamado. Cobrarei novamente a entrevista, dando sugestões e fazendo críticas   Sei que muitos só tem como objetivo destruir uma gestão e o que eu quero é que através de diálogo podemos ter projetos mais significantes ao futuro, basta apenas vontade. Mas, o que eu ganho com a minha vontade de querer o melhor? Simplesmente aqueles para que já dei aulas e hoje estão trabalhando em empresas, mas adoram o teatro, a música a cultura em geral terão teus filhos em uma escola séria. Nunca fui professor de teatro, mas tive alunos, que sangravam por uma determinada fanfarra de uma escola estadual, fazerem teatro. Eu espero poder manter a promessa de sempre estar de olho no que a prefeitura faz e o que ela não faz em prol da cultura.

terça-feira, 4 de outubro de 2011

As Artes, Música e Cultura fazendo a presença e contando com a sua

Próximo sábado dia 08/10/2011 as 17:00 hs, teremos mais uma contação de história em nossa sede, sito a Rua Rio Azul, 80 - Parque Havaí . em São Bernardo do Campo-SP entre o Grande Alvarenga e o Bairro dos Casa Contamos com sua presença!