quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Bandas de São Bernardo do Campo

Desde 1977 toco em bandas de São Bernardo do Campo, o instrumento Saxofone Tenor.
São Bernardo do Campo, conhecida por ser a cidade das Bandas Musicais, tinha uma que era "a melhor" do Brasil com o nome de Banda Municipal Infanto Juvenil do Rudge Ramos ... Era invejada por todas as Bandas do Brasil e digo, não tinha para ninguém. Dela saíram grandes músicos e um que eu me lembro, pois tocou comigo na antiga Banda  Infanto Juvenil do Bairro Ferrazópolis, foi o Marcelo Lopes (trupetista). Outra grande Banda é sem dúvida a Banda Sinfônica Municipal de São Bernardo do Campo, onde só entravam os melhores e um companheiro, Uziel(clarinete) , ainda está tocando na Banda.
Este é minha aflição... A nossa grandiosa Banda que  normalmente é ter 34 elementos, estão com 12(somente 12 componentes incluindo o Maestro)
Foi dito que, pelo fato de ter rescindido contrato com alguns músicos que não são Sambernadenses a prefeitura resolveu não refazer os contratos novamente. Achei justo e injusto ao mesmo tempo: Justo porque em São Bernardo do Campo tem uma gama de músicos bons e Injusto pois esta rescisão aconteceu em Fevereiro de 2010 não havendo nenhum concurso publico desta natureza.
Foi estabelecida em reunião e o Primeiro Encontro Cultural de São Bernardo do Campo, que a prefeitura além de aumentar as vagas das oficinas manteria as Bandas... As oficinas aumentaram, duplicaram... mas as bandas...
Havia um projeto ( e projeto não Lei) das Bandas Mirins que não temos mais(extinguiu-se). Havia também o projeto da Banda Juvenil (também extinta). Havia o projeto da orquestra Sinfônica de São Bernardo do Campo(ficou um ano parada, pois projeto não é Lei) e colocou tudo dentro da Lei e está tocando.
O pessoal que estava na Banda Mirim e na Banda Jovem e entre outros musicos, estão na extinta Corporação Filarmônica Carlos Gomes, uma das mais antigas do município, revivendo aquela que um dia foi apagada pelas antigas administrações.
Outra que ainda vive e foi extinta em 2001  é a Banda da Cidade das Crianças.
A Banda Infanto Juvenil do Bairro do Ferrazópolis, vendo que, administrações de Aron Galante e Walter Demarchi estavam dispostas a destruir a Cultura do Município, resolveu fazer da bandinha em uma corporação, tornando-se então Corporação Filarmônica Maestro Pedro Salgado. As Bandas não recebiam mais ajudas como em época de Tito Costa, e a Banda São José, tornou-se Corporação Filarmônica São José... Bandas como a do Baeta, Cidade das Crianças, Rudge Ramos continuaram sendo municipais e em tempo esperado, foram desfeitas...

2 comentários:

  1. cara, a Carlos Gomes não está extinta não, eu toco clarinete nela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniel, eu não vi nenhuma apresentação da Corporação Musical Carlos Gomes em todos os anos de que houve secretaria da cultura... agora iremos retroceder, 2017 não teremos Secretaria da Cultura e sim uma Diretoria que ficará sujeita aos mandos da Secretaria da Educação, e isso significa menos verbas... mas fico contente por estar viva:))!!

      Excluir