segunda-feira, 1 de julho de 2013

Tocando Para Mudar




Como músico e como artista, não sou bom orador, mas sei ouvir o bom e extrair o belo.
As artes são as únicas que conseguem até trazer os mortos para o palco e, eles agradecem, pois o palco é nosso local.
Fazemos nossa arte nas ruas, em casa, na sala de Star , em outros países e incrivelmente todos se interligam... já há algum tempo venho ouvindo Playing for Change e digo, não há limites para a música, não há mesmo.
Para aqueles que pensam em seu próprio umbigo e não no coletivo, abra sua escolinha de musica, mas para aqueles que se encontraram e viram na música uma maneira de liberdade, tirar pessoas das ruas, ensinar mesmo que uma flautinha o prazer de ser músico.

Para quem nunca viu, ouviu, teve a sensibilidade de ver estes(talvez por falta de informação) veja os vídeos, cada um mais lindo que o outro e, aconselho aos Secretários de Cultura de todos os Estados , Municípios a pararem um pouco para ouvir.
Eles podem dizer: Ah mas já vi e ouvi... eu retruco, veja outra vez, pois acho que a ficha não caiu!

Olha o quão é as diversidades instrumentais...

 
 
 E para quem disse que Viola é coisa de Caipira, toma mais essa na orelha!

Nenhum comentário:

Postar um comentário