sábado, 26 de janeiro de 2013

Ajuda de amigos que sabem o quão é um problema passar algo pelos executivos


As perguntas primas foram mencionadas na entrega da carta e ainda se perguntam, como o por que não tem mais VAI? Porque sobraram recursos e pontos de cultura e ela não disponibilizou mais?
A resposta é simples, independente de quanto há para cultura, rendendo juros, haviam coisas que poderiam acontecer e não aconteceram, diga-se de passagem e sem milongas, falta de vontade política foi o que houve! Piorando ainda mais, sabemos que esse dinheiro vindo do governo federal é destinado a cultura e não foi usado no ano passado, não sabemos o destino dele nesse ano, por isso o FACA é compreensível, porém algumas coisas não são inteiras compreensíveis e isso gera uma discussão entre os membros, que é bom, pois até lá estávamos aceitando tudo sem pestanejar...
O Consorte explica, que o plano colocado para este fundo($$) tem e deve acontecer, a disponibilidade é para os 10 anos... isso tem que sair... , desde a entrega do orçamento.
É explicado exaustivamente que a Secretaria da Cultura já tem (TEM) autonomia para a execução de alguma coisa, não é possível gente! Aí entra os tempos onde não existia Secretaria, veio a Secretaria, saiu secretario, entrou outro, mudou, até o vice Prefeito fez posse de secretário...    
Comentou-se: Se não fez um VAI não pode fazer outro? A resposta de quem já tinha na ponta da língua foi NÃO... por que não??? Lembram do Conselho? É ele mesmo... não houve conselho e não pode fazer mais um conselho! E o VAI não FOI.

Em reunião em diversas vezes, quando se começava a entrar em um assunto que poderia ter interesse, pois nem todos tem o dom da palavra, pediam o corte do assunto para a questão no momento ou que pulasse para outra, que faz certa seqüência. A causa de tudo isso era, TEMOS POUCO TEMPO... foi aí, depois de diversas vezes contando os minutos que se faz a pergunta: Porque temos pouco tempo? Veio enfim a resposta de que o estabelecimento  fecharia em determinado horário(O fim da picada)
Agora se faz mais presente a necessidade de um local onde possamos dialogar, xingar a mãe, sem ser cronometrado... certas idéias ficaram pausadas e mesmo que não fossem de importância naquele momento, somente concluindo um pensamento podemos dizer se faz sentido em usar ou não... Reuniões sempre tiveram esse agravo Cronômetro x Cultura .

A Cultura não saiu vencedora, isso podem ter certeza! 


Ficou definido criar-se uma fan page onde todos podem curtir clique aqui para entrar

Nenhum comentário:

Postar um comentário