sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Secretário da Cultura de SBC, Neto, recebe artístas do grupo FACA


O Secretário da Cultura Neto, recebeu artistas, músicos e todos que fazem parte da Cultura da Cidade para mostrar o que foi feito, o que será feito , pelas demandas e assinaturas com o Governo Federal.
Participar do processo é fundamental, se não participarmos do processo dá-se um jeitinho, diz Neto. Deixa outra frase bem clara, como formar um projeto em nossas realidades, ou seja em nossa cidade, normalmente o pessoal vai até o edital de SP para dar uma olhada no que se foi feito... mas ai entra a frase do Neto, ESQUEÇAM SP,SÃO 11 MILHÕES DE HABITANTES,  O QUE PRECISAMOS É DE EDITAIS QUE ATENDEM A REALIDADE DA NOSSA CIDADE, REALIDADES DE SÃO BERNARDO DO CAMPO, diz Neto...
Qual é a cara de São Bernardo, o que você almeja, para os artistas de São Bernardo, para atuarem fora ou dentro de São Bernardo, o CAV é uma mão de obra, um serviço, único na América Latina que formará em 1 ano e 6 meses pessoas qualificadas para serem técnicos em audiovisual. O CAV não faz um cineasta, diz o Neto, de lá sairão os fazedores, porque lá é uma escola de Cinema, TV e Animação, completa Neto. Diz mais na área, o aluno do CAV irá aprender a manipular uma câmera , fazer desenho, animação, efeitos especiais, por voz são todas as mão de obras que um diretor de TV, por exemplo, precisará!
O CAV será uma importante mão de obra para o Pavilhão Vera Cruz, mas dizem que vão demorar, e tals, na verdade o Pavilhão Vera Cruz é ainda considerada um Patrimônio Imaterial... onde o nome e considerações que envolvem o Patrimônio são levados, e ainda não estão no papel que o Patrimônio é MATERIAL, pasmem!
O Secretário da Cultura, Neto, explica que o grande marco que temos é a assinatura do Prefeito Luiz Marinho e a Ministra da Cultura Marta Suplicy ao Sistema Nacional de Cultura , quem assina ao lado é o José Renato Peixe... Este é mesmo um grande marco, pois exige que o o município de São Bernardo do Campo faça um CPF(Conselho, Plano e Financiamento) da cultura...
Nós, artistas, músicos e da área cultural, iremos em breve saber que as OPs passarão pelo bairro, o que não podemos deixar em hipótese alguma é que esse orçamento seja aplicado apenas nessa gestão, por isso aprofundar, cobrar, fazer projetos que sejam a cara de São Bernardo enfatizando a Cultura em si é fundamental.


Lembro que artistas não brigam, não querem o poder, mas merecem aplausos por tantos anos de luta...
Houve também , nesse encontro com a Secretaria da Cultura, perguntas e respostas. Triste eu fico, pois das 6  questões relacionadas à música,  apenas 1 foi respondida, que é a questão do CLM( Centro Livre de Música)

Nenhum comentário:

Postar um comentário