terça-feira, 24 de maio de 2011

o Deputado Fed. Viventinho do PT e Mozart em discussão sobre Artes, Musica e Cultura, Ciclismo, e o Meio Ambiente

Não sei o porque, mas sempre deram o título de um músico, artista ou aquele que vive da cultura de um vagabundo. Mas esperem... estes que nos chamam assim é porque nunca teve acesso a grande maravilha que é a Cultura.
Embora muitas conversas sejam contraditórias, ainda somos a alegria do seu lar, pois quem escreve poemas, nos fazem rir, chorar, refletir. Quem faz música, faz também rir, chorar, refletir e quem pinta uma tela, faz nossos olhos sorrir com cores, traços, a  perfeição de uma imagem.. Penso eu que em todos os seguimentos Culturais, estamos sempre ganhando com os profissionais da Cultura.
Conversando com o Deputado Federal Vicentinho, não tive dúvidas que ele me ajudava a dar apoio desde o tempo que eu expus o problema a ele. Isso se chama Comprometimento de ser um político eleito para com seus eleitores.
Estive em reunião com Vicentinho neste dia 23/05 e o que ele me deu foi algumas sugestões de direcionamentos para que eu possa concretizar as tarefas artísticas da cidade.
Como ele é um deputado Federal, indicou-me aos que podem fazer mudar, pois não adianta ficar reclamando da vida e dizendo que ela não presta, temos que correr para a vida trabalhando em prol de uma sociedade esquecida. Mas porque esquecida?
Eu já conhecedor do meio cultural desde 1977, digo que em várias administrações a nossa cultura não foi irrigada, como se deveria. Tem que haver paixão para colocar um pouco em cada vasinho cultural e isso faltou, morrendo quase por completo e, se não colocar adubo, nos próximos anos novas gerações nem saberão o que isso significa.
No pouco tempo que tive, consegui expor a cultura, o ciclismo e as ciclovias com o blog http://saxmozartfaggi.wordpress.com e o Meio Ambiente http://mozartfaggima.wordpress.com   ,  e o Vicentinho me direcionando aos grupos certos  terei mais certeza de êxito.
Peguei informações importantes e voltarei para exibi-las já em andamento.
Deu tempo até de tirar uma foto... essa eu não poderia negar!

Nas vias ciclisticas 


Conhecedor das ruas de São Bernardo do Campo, digo que não estão em boas condições  e um ciclista pode se machucar. Mas não é essa a grande questão... a questão é que o ciclista tem medo das ruas e o motivo é a falta de respeito ao ser humano... Sempre digo que ciclistas conhecem muito mais as ruas do que os próprios usuários motorizados, pois sabemos o quanto doe uma pancada do celim ao nosso
Sobre o Meio Ambiente, fiquei de conversar com o atual Secretário do Meio Ambiente, na qual conheceu meu pai. Isso não é brincadeira, é uma coisa séria.. então combinados vamos regrar as artes, cultura e musica, conscientizar o povo para o Meio Ambiente, divulgar e colocar em prática as ciclovias que nos trará benefícios em todos os aspectos.
Vamos aproveitar o projeto Cidade Participativa, onde poderemos ter voz e dizer o que pensamos. Espero que logo tenha outro encontro com o Deputado Federal Vicentinho, assim poderemos sem problemas passar e repassar mais projetos benéficos ao povo Sambernadense.

Na verdade a pessoa que dirige um automóvel esquece-se que é também um pedestre e que seu filho pode estar guiando uma bicicleta neste momento

Mozart Faggi

Nenhum comentário:

Postar um comentário