quarta-feira, 20 de abril de 2011

A Cultura é do Bem

Lendo Ricardo Queiróz  falar sobre “Casa Forte”, vocais se levando pela melodia,  com toda a harmonia que já era de uma brincadeira musical (talvez). Quem começou,  a voz ou
a música ou o ritmo que embalou? Só sei que sem uma palavra, a composição foi perfeita.
Na leitura de meu amigo que é fantástico em suas colocações culturais, Ricardo Queiroz , me senti com saudades... Sim saudades da época de grandes shows de MPB, que foi por vários anos e pelo menos em minha vida faz parte até hoje... Chorei... Chorei por não ver mais Milton Nascimento, Chico Buarque, Elis Regina, Wilson Simonal, Roberto Carlos e o seu amigo Erasmo Carlos, Edu Lobo, Tom Jobim, Caetano Veloso, MPB-4, Jorge Bem Jor, Gilberto Gil, Geraldo Vandré, Jair Rodrigues... etc etc.... quanta gente boa que se aparecem não eram como o mesmo brilho de outrora.
Assisti àqueles festivais maravilhosos... muita saudade do fervor, da música, do público.

Após anos afim, tentaram com Jazz Festival.... onde encontraríamos o Grande músico Hermeto Paschoal, Sivuca, Gilberto Gismonti, Jota Moraes, Mauro Senise etc etc  e cada um tocando seu estilo... um Jazz brasileiro, pois quem disse que Baião não dá Jazz?
Vieram com o passar dos tempos, e com a tecnologia em ascensão, o Tim Festival e outros .
Parou... Claramente ninguém investe mais em música, para essa finalidade. Sinto muito pela nova geração, que não ouviu e nem viu estes Grandes Feras em início de carreira  querendo mostrar que o mundo pode ser melhor apenas tocando, apenas lendo, apenas cantando, apenas atuando, apenas fazendo Arte.

Criar, produzir, fomentar a cultura, incentivar, dar recursos, fazer a Cultura em geral não ser apenas um Dom, fazer a Cultura em geral  ser a porta de uma profissão, mesmo sendo entretenimento para uns e outros. A arte, cria  não deixará a cabeça em vão de uma criança que pode entrar para outro mundo que não seja este... Cultura é do Bem


Nenhum comentário:

Postar um comentário