sábado, 17 de outubro de 2015

Uma conversa com o Maestro Conceição Sousa



Após anos , me reencontro com Maestro Conceição Sousa e claro que pergunto, como vai indo velhinho?
Na verdade, ele está mais novo que eu, correndo pra lá e pra cá, gosta de fazer amigos e digo que ele tem muitos.
Fiquei sabendo faz pouco tempo, que o CLM , Centro Livre de Musica , não pode funcionar, pois não tem um MAESTRO formado Sambernadense, então procurei o Maestro Conceição Sousa(carinhosamente chamado de Maestro Sarjentão) que eu achava que poderia nos ajudar. Mas ele tem suas convicções e não trocaria o que ele faz pela comunidade CUGA para ajudar a prefeitura por alguns 4 salarios minimos.
Embora na história da Banda Dr Baeta Neves tenha alguns "Galante" o prefeito da epoca , Aron Galante(que não foi e nunca será um musico) fez de tudo para destruir as Bandas de São Bernardo do Campo... tanto fez que hoje temos apenas 2 corporações, sendo que a Corporação Musical São José, toca nas solenidades de SBC( 1 vez por ano) e a outra , Corporação Musical Carlos Gomes(uma das mais antigas ) é raro se ver uma apresentação dela, muito menos em solenidades, portanto temos 1 corporação...
Eramos a Capital do automóvel, cidade dos móveis, batateiros e a cidade das Bandas.
Acabaram com um coral que havia 800 integrantes.... anilesemos o gasto de manter 800 pessoas em um coral....

Quantos maestros?
Qual é o gasto que um Coral terá, sendo que não há instrumentos  e usamos a voz , se houver um instrumento quem sabe um violão, uma percussão, ou até o mais caro um teclado...
QUAL O GASTO DE UM CORAL?

Agora, qual o benefício que um Coral poderá trazer a Sociedade?
Reflitam  pais, pois de certa forma a musicalidade não vem com um pacote de dinheiro, no entanto trás consigo tres coisas indispensaveis, Harmonia , Melodia e Ritmo ... isso fará uma musica e,  socialmente,  faz cidadãos melhores.
Você quer ver seu filho ser um vencedor? Ensine a viver em grupo com esses três ítens  e colocaria mais um, a dinâmica, que na vida seria saber a hora de sorrir, de chorar, fazer o melhor para o que o grupo pede. 


3 comentários:

  1. grande Músico Mozart, cultura não dá votos, se o músico brasileiro depender do poder público morre de fome. um certo prefeito da cidade quando eleito ele pronunciou em público que o funcionário público da prefeitura para qual ele foi eleito não deveria exercer sua cidadania praticando política partidária e, que esses, iria ver com ele, não deu outra. persegui muitos, muitos inclusive eu. boa sorte mozart, abs

    ResponderExcluir
  2. A CIDADE DE SÃO BERNARDO DO CAMPO, DURANTE ANOS MANTEVE A QUASE CUSTO ZERO, 7 BANDAS MUSICAIS, SENDO QUATRO INFANTO JUVENIS QUE MANTINHAM MATRICULADOS NOS CURSOS DE MÚSICA MAIS DE 800 (OITOCENTOS) ALUNOS CRIANÇAS E JOVENS NA FAIXA ETÁRIA DE 9 A 18 ANOS, ESSES ARTISTAS APÓS FORMADOS, ERAM APROVEITADOS NAS GRANDES ORQUESTRAS E BANDAS DE GRANDES CANTORES DO PAÍS, BEM COMO EM BANDAS TAIS COMO: SÃO JOSÉ DO BAETA NEVES,SINFÔNICA E CARLOS GOMES.TODAS CONSIDERADAS CAMPEÃS E PRONTAS PARA SE PRESENTAR EM QUALQUER SOLENIDADE COM A MAIOR DESENVOLTURA E QUALIDADE, AO PONTO DE SEREM AVALIADAS PELOS CRÍTICOS E ESPECIALISTAS, COMO AS MELHORES DO PAÍS. A FILARMÔNICA, A BANDA JOVEM, O CORAL MUNICIPAL E CORAL INFANTIL FORMADO COM CRIANÇAS EM NÚMERO DE 800 ALUNOS TODOS DAS EMÉBES DO MUNICÍPIO, TAMBÉM FORAM EXTINTOS. OS INSTRUMENTOS MUSICAIS UTILIZADOS POR ESSAS CORPORAÇÕES, ADQUIRIDOS PELO PODER PÚBLICO NÃO SEI PRA QUE, ESTÃO APODRECENDO. SE NÃO HÁ NENHUM INTERESSE EM REATIVAR AS BANDAS, SUGIRO: FAÇA DOAÇÃO, EMPRESTE,CEDA, PARA ALGUMA ENTIDADE QUE SE PRONTIFIQUE A UTILIZA-LOS. O INSTITUTO GEORGE CHAMBERLAIN DE ESTUDOS AVANÇADOS É UMA OSCIP, CUJO PRESIDENTE É O MAESTRO JOSÉ DA CONCEIÇÃO SOUZA, QUE TEM COMO UTILIZAR TAIS INSTRUMENTOS PARA TORNAR A CIDADE MAIS ALEGRE E CULTURAL. SE O SENHOR PREFEITO ACHAR CONVENIENTE ESTAMOS PRONTOS PARA TANTO.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir